OMT e conselho turístico europeu promovem roteiros culturais

Zurab Pololikashvili, secretário-geral da OMT

A Organização Mundial do Turismo (OMT) e o Conselho de Turismo da Europa vão trabalhar em parceria para promover turísticos focados no patrimônio cultural da região. A ação visa, de forma sustentável, impulsionar o poder o desenvolvimento social, econômico e cultural, com benefícios tanto para a Europa como para os países parceiros, além de preservar a história e estrutura dos destinos.

“O turismo tem a capacidade de criar empregos e outras oportunidades de desenvolvimento em lugares que cruzam itinerários culturais, bem como proteger e promover o patrimônio cultural e celebrar a criatividade”, declara Zurab Pololikashvili, secretário-geral da OMT.

A parceria entre a OMT e o Conselho da Europa utilizarão dará atenção à acessibilidade, de forma que os itinerários culturais permitam a presença de pessoas com baixa mobilidade. “O programa de itinerários culturais desempenha um papel importante na promoção do rico patrimônio cultural da Europa, além de ser uma ferramenta eficaz para fomentar o diálogo intercultural e a cooperação transnacional. Estamos muito satisfeitos que a OMT esteja trazendo sua expertise para o programa com base neste memorando de entendimento”, salienta Marija Pejčinović Burić, secretária-geral do Conselho da Europa.

A Organização Mundial do Turismo (OMT) e o Conselho de Turismo da Europa vão trabalhar em parceria para promover turísticos focados no patrimônio cultural da região. A ação visa, de forma sustentável, impulsionar o poder o desenvolvimento social, econômico e cultural, com benefícios tanto para a Europa como para os países parceiros, além de preservar a história e estrutura dos destinos. “O turismo tem a capacidade de criar empregos e outras oportunidades de desenvolvimento em lugares que cruzam itinerários culturais, bem como proteger e promover o patrimônio cultural e celebrar a criatividade”, declara Zurab Pololikashvili, secretário-geral da OMT. A parceria entre a OMT e o Conselho da Europa utilizarão dará atenção à acessibilidade, de forma que os itinerários culturais permitam a presença de pessoas com baixa mobilidade. “O programa de itinerários culturais desempenha um papel importante na promoção do rico patrimônio cultural da Europa, além de ser uma ferramenta eficaz para fomentar o diálogo intercultural e a cooperação transnacional. Estamos muito satisfeitos que a OMT esteja trazendo sua expertise para o programa com base neste memorando de entendimento”, salienta Marija Pejčinović Burić, secretária-geral do Conselho da Europa.

Ahorra en tu hotel - hotelscombined.es

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *